ATA de Reunião 28-06-2012

ATA DE REUNIÃO FEDERAÇÃO PARANAENSE DE MONTANHISMO – FEPAM – 28-06-2012

Aos vinte e oito dias do mês de Junho de dois mil e doze, às vinte horas, na sede da Associação Montanhistas de Cristo – AMC, sito à Rua Bento Viana, 1200 – Sala 209 – Batel – Curitiba/PR, reuniram-se os dirigentes da federação e representantes de clubes federados. Como pauta da reunião, foram estudados e discutidos o programa Adote Uma Montanha, para a Serra da Prata, Campeonato Brasileiro de Boulder, Aumento de valor na confecção de carteirinhas para sócios independentes, Cobrança de anuidades de Clubes, Dívida da CBME com a IFSC, Planejamento para arrecadação financeira, Locais para as reuniões mensais da FEPAM.

01 – Programa Adote Uma Montanha, para a Serra da Prata – Aberta a reunião por parte do presidente, Sr. Natan Fabricio de Loureiro Lima, concluiu-se que o CPM está interessado em adotar a Serra da Prata, localizada no Parque Nacional Saint-Hilaire-Lange, em Paranaguá. Os representantes do Clube se reunirão, brevemente, com os dirigentes do Parque para averiguar a possibilidade de adoção da mesma.

02 – Campeonato Brasileiro de Boulder – O Ginásio Caverna está interessado em promover, em seu espaço, um Campeonato Brasileiro de Boulder. Edison Cardoso, filiado ao CPM e dirigente da Federação, se responsabilizou em contatar o responsável pelo Ginásio para obter maiores informações sobre o evento e sobre o possível apoio da Federação para com o mesmo.

03 – Aumento de valor na confecção de carteirinhas para sócios independentes – A empresa responsável em confeccionar as carteirinhas de sócios para a FEPAM, reajustou seu valor, passando a cobrar R$ 10,00 (dez reais) a unidade. Por unanimidade, definiu-se que não haverá reajuste financeiro para os sócios independentes e sim, a diminuição de valor do repasse para a Federação.

04 – Cobrança de anuidades de Clubes – Perante a dificuldade para o recebimento da anuidade em atraso de um clube, anteriormente filiado à FEPAM, a mesma solicitou sugestões para o recebimento desta dívida, tendo em vista que todas as alternativas amigáveis não obtiveram sucesso. Definiu-se que a Federação, continuará a efetuar as inúmeras cobranças, tendo em vista que seria injusto com os clubes que possuem as anuidades em dia, perdoar esta dívida.

05 – Dívida da CBME com a IFSC – A CBME – Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada, paga anualmente uma taxa de filiação à IFSC – International Federation of Sport Climbing, cuja filiação possibilita, entre outras coisas, a participação de atletas brasileiros em campeonatos internacionais. Esta participação, até o momento, encontra-se impossibilitada devido à anuidade referente ao ano de 2012 que encontra-se em aberto. Infelizmente, a Confederação, até o momento, não apresentou nenhuma prestação de contas, possivelmente pela alta demanda de trabalho e escassez de voluntários, porém, por unanimidade e em sinal de respeito aos associados da FEPAM definiu-se que a mesma não se manifestará para com o caso enquanto os demonstrativos financeiros não forem divulgados.

06 – Planejamento para arrecadação financeira – Com a diminuição de clubes filiados e, conseqüentemente, o valor em caixa para a Federação, foram discutidos formas de arrecadação financeira. Decidiu-se que a FEPAM fará um selo para o mesmo ser repassado à empresas que apóiam o Montanhismo Paranaense, em troca de uma contribuição financeira para a mesma. Daniel A. Egg, filiado à AMC, responsabilizou-se pelos contatos comerciais e Luis Delfrate, também associado à AMC, entrará em contato com um colega para averiguar a possibilidade de o mesmo criar a arte para o selo.

07 – Locais para as reuniões mensais da FEPAM – Com o intuito de promover uma maior participação de montanhistas para as reuniões da FEPAM, foi acordado que as mesmas serão realizadas nas sedes da AMC e CPM, no mesmo dia das reuniões internas de cada clube.

E nada mais havendo a tratar, foi lavrada a presente ata, redigida por mim, Michelle Cristina Carvalho.