Procedimentos em caso de incêndio

“Trabalho em equipe. O segredo de tudo!”

Ao chegar ao local da operação, no centro de comando, procure pelos demais membros da brigada de voluntários. Definam ali quem deverá assumir a responsabilidade da comunicação entre os voluntários e as demais corporações existentes (CBPR, IBAMA, IAP ou Desa Civil). Ouça com atenção as informações passadas pelos membros mais experientes ou pelo líder escolhido. Siga as determinações do comando/ liderança e fique sempre atento aos procedimentos de segurança. Busque auxiliá-lo e apoiá-lo nas atividades de logística.

Exemplo: Abastecer os cantis com água potável, verificar as ferramentas e/ou acionar outros brigadistas. Não existem tarefas mais ou menos nobres em um combate. Tenha em mente que se o abastecimento de água falhar, por exemplo, toda a cadeia de eventos organizada também poderá falhar. Mesmo que não tenhamos uma hierarquia militar, o papel do líder é importantíssimo e deve ser seguido, o que não significa atendê-lo sem entender ou discutir as táticas.

Lembre-se de respeitar a hierarquia existente nas demais corporações.

Evite discussões desnecessárias e desavenças. A harmonia da brigada garantirá a segurança e o sucesso da nossa missão. Caso você seja o único voluntário da brigada de voluntários, apresente-se ao comando da operação como membro da brigada de voluntários montanhistas e coloque-se a disposição.

É proibido o consumo de bebidas alcoólicas durante a operação.

Lembre-se que a segurança é fator principal e que também existem pessoas em serviço.

Estou preparado para esse tipo de combate?

Informe ao seu grupo suas preocupações, respeite seus limites. Lembre-se que numa atividade de combate a incêndios florestais é grande o desgaste físico. Mantenha-se alerta aos sinais do seu corpo, náuseas, tonturas, etc. Caso utilize um medicamento controlado tenha-o sempre à mão e avise aos seus companheiros. Um combate a incêndios florestais pode durar horas ou dias. Lembre-se das regras de segurança que foram apresentadas no curso de formação.

Quais os cuidados que devo tomar com os materiais?

Todo material em uso é de propriedade do IAP, Bombeiros, da Brigada de Voluntários ou de um dos voluntários. É sua responsabilidade zelar pela guarda e manutenção dos itens. Após a atividade, limpar, conferir e devolver o material utilizado ao responsável, informando o eventual material ou equipamento danificado ou extraviado.

“Sabendo usar não vai faltar.”